RECENTES

DESTAQUES

LEIA TAMBÉM

OUTRAS

Acompanhe o Canal RikerLinux No Youtube

terça-feira, 18 de outubro de 2016

NOVO MEMBRO E SUA HISTÓRIA COM O LINUX

Resultado de imagem para linux



Olá, me chamo Mikael Ritlay, tenho 31 anos e contarei minha história de como comecei a utilizar o sistema operacional Linux.
Tudo começou quando ingressei na universidade pública, em 2004, e no laboratório de informática alguns computadores tinham o Kurumin instalado, foi a partir daí que despertou minha curiosidade pelo Linux, pois sempre quis utilizar outro sistema operacional que não fosse o Windows 98. Fiquei fascinado pela rapidez e beleza do ambiente gráfico, o único problema que enfrentei quando usava o computador em casa era o acesso à internet, que era discada juntamente com um modem que não possuía driver para Linux. Na universidade, a conexão era extremamente rápida em comparação à discada porém não era muito estável, então comecei a pesquisar sobre o sistema. Depois de muito pesquisar sobre o sistema e suas distribuições, descobri que era um sistema altamente customizável e que eu poderia configurar o modem, que era mais conhecido como winmodem, para conectar à internet. A distribuição mais fácil de configurar o modem que funcionou perfeitamente foi o Kurumin 6 com KDE e o melhor de tudo era uma distribuição brasileira feita por Carlos E. Morimoto.,


Foi então que consegui gravar a imagem do Kurumin, naquela época uma gravadora de CD não era barato e apenas um computador do laboratório tinha a gravadora. Então, por sorte e alegria, meu usuário tinha permissão de gravar e fui pra casa ansioso para testar o que aquele sistema prometia. 

Como a distribuição era LiveCD, poderia rodar sem comprometer o sistema instalado. Fui direto configurar o modem e quando vi que havia um script para configurar o modem automaticamente, fiquei com os sorriso nas orelhas. Configurei minha conexão e virei a noite usando o sistema que só estava lento porque estava usando o LiveCD. Só não instalei porque o computador não era meu.




Depois disso, minha namorada e agora atual esposa, que cursava Ciências da Computação na mesma universidade também começou a usar o sistema. Aliás tinha um professor que durante a aula de laboratório dele só era permitido usar Linux, caso alguém tivesse usando Windows ele puxava o cabo de força do computador. Nesse laboratório de informática eu passava mais tempo que os funcionários e foi quando um deles, em 2009, me ofereceu uma bolsa e aceitei na hora. Foi então que começou minha jornada em administração em TI, instalei a mesma distribuição em todos os computadores, que não tinham mais que 1GB de RAM. A distribuição que teve melhor aceitação foi o Ubuntu que permanece até hoje.

Em 2010, passei em um concurso para técnico de laboratório em informática e fui lotado para mesmo laboratório, onde mantenho 55 máquinas em dualboot e 2 servidores: um para firewall e outro para a autenticação dos usuários.

Atualmente uso distribuições baseadas em Debian: Ubuntu, ElementaryOS, Mint, etc

Nenhum comentário:
Write comentários

HISTÓRIA DO GNOME SHELL

ADOÇÃO DE LINUX PELA PREFEITURA DE MUNIQUE NA ALEMANHA

MAIS ANTIGAS

Translate

Recent