RECENTES

DESTAQUES

terça-feira, 10 de abril de 2018

Chegou o Fedora 28 Beta, oque esperar da nova versão do sistema azul?



Como um blog que começou trazendo notícias sobre a distribuição Linux Fedora, não poderia deixar de mencionar a chegada do Fedora 28 no estagio Beta, e através dessa matéria farei um acompanhamento bem completo sobre o que está vindo na próxima versão do sistema.


Estava me preparando para fazer um vídeo a respeito, mas tive um probleminha no jack no meu Ultrabook, oque causo um atraso no vídeo do canal sobre o Fedora 28 na versão Beta, mas assim que sair, estará incluso nessa matéria e disponível no canal RikerLinux.

O Fedora é amplamente conhecido por trazer muitas inovações no mundo open source, na qual são implementadas, testadas e aprimoradas para integrar futuramente as versões do Red Hat Interprise Linux, que serão por sua vez recompiladas nas versões do CentOS, e farão parte de diversas outras distribuições Linux, que vão aderir a tais desenvolvimentos. Por isso o Fedora acaba sendo sinônimo para muitos de um sistema de testes e de instabilidade. Contudo o Fedora consegue ser um sistema bem estável, e no canal RikerLinux temos um vídeo explicando melhor essa questão, basta clicar nesse Link.
Retornando ao assunto em questão, sobre o que esperar do Fedora 28, dentre as novidades que estão chegando, a que logo me chamou atenção, é a possibilidade de uma vida útil maior da bateria nos notebooks. Isso me chama bastante atenção, pois estava tendo um consumo exagerado de energia no meu ultrabook.
Tudo indica que não haverá mais ajustes manuais, o Fedora 28 implementará diversos ajustes automáticos para melhorar a vida útil de sua bateria. Segundo noticiado em uma palestra no FOSDEM 2018.
Quanto ao gerenciamento de energia podemos constatar que o Fedora 28 terá:
Ativação da suspensão automática para codecs Intel HDA, economizando em torno de 0,4W
Habilitando o SATA ALPM por padrão a economia chega até 1,5 W
Já Habilitando a Atualização Automática do Painel i915 por padrão foi notado uma economia aproximada de 0,5 W.
Com esses ajustes, alguns modelos de notebooks terão um ganho de até 30% na duração da bateria.
Os usuários mais avançados já conseguem fazer esses ajustes de forma manual, alcançando o mesmo resultado, mas a idéia é fornecer uma experiência prática para todos os usuários do Fedora.
Ocorrerá também uma diminuição na redundância da Configuração Inicial, tornando o sistema mais amigável para iniciantes. O Fedora 28 Workstation terá menos "perguntas" para responder no momento da instalação. Não haverá mais nenhuma senha root e a própria senha do usuário será suficiente para as ações da raiz, da mesma forma que no Ubuntu, sendo configurada pelo menos na fase beta, posterior a reinicialização pós instalação, e não mais durante, como ocorria antes.
Também haverá algumas mudanças de código para reduzir a redundância entre o instalador do Anaconda e o gnome-initial-setup.
Teremos também um suporte aperfeiçoado ao VirtualBox, o Fedora 28 terá a adição de drivers convidados ao pacote do kernel do Fedora, empacotando as ferramentas userspace (Adições ao VirtualBox Guest) e adicionando o pacote VirtualBox Guest Additions à lista de pacotes padrão para o produto Workstation. E isso vai para aqueles que bloqueiam nos grupos do Telegram e respondem de maneira mal educada aos usuários Fedora que têm dúvidas sobre o virtualbox, segue o link de um grupo Fedora sem esses problemas.
O Fedora 28 também já está com a versão mais recente do desktop GNOME, a 3.28. que conta com diversos recursos.
Nessa versão beta, só pude ter acesso a esse papel de parede, mas com certeza a esquipe do Fedora está preparando diversas opções, para você deixar a area de trabalho do seu jeito.

Assim que sair a versão final do Fedora 28, farei uma análise no canal e deixarei disponível aqui.
Compartilhe e deixe um comentário do que espera sobre essa versão 28 do sistema.
Fonte:

https://itsfoss.com/fedora-28-release-features/

Um comentário:
Write comentários
  1. Um dia ainda migro pra FEDORA como minha distro principal rsrs e irei precisar de sua colaboração para a transição. Força e Honra!

    ResponderExcluir

Acompanhe o Canal RikerLinux No Youtube

HISTÓRIA DO GNOME SHELL

ADOÇÃO DE LINUX PELA PREFEITURA DE MUNIQUE NA ALEMANHA

MAIS ANTIGAS

Translate

Recent